cover

Encontre hotéis e outros alojamentos em Málaga

Hotéis em destaque

Málaga

Se existe algo que surpreende ao viajante que chega as ruas de Málaga, é a quantidade de vida que corre pela cidade onde nasceu Picasso. Entre conhecer gente amável, e bom ambiente, percorrer pelo centro histórico da cidade é uma atividade extremamente agradável.

Assim, deixando que os passos decidam o destino, o viajante não espera por deparar com a catedral da cidade, levantada sobre o mesmo chão na que estava a mesquita nos tempos de domínio muçulmano hispânico na cidade. Não longe, o Museu Picasso é uma visita imprescindível. Situado numa rua isolada de pavimento empedrado, no interior do Palacio Bellavista, o viajante descobrirá uma parte essencial do pintor nos quartos que ficam no final de um agradável pátio laranja. A dois passos de lá, na plaza de la Merced, a casa que nasceu Picasso foi reconvertida na sede da Fundação Picasso.

Depois de descobrir e explorar o museu, poderá o viajante perder-se pelas ruas da Málaga histórica, da cidade tranquila e, as vezes, cheia de vida, repleta de ruas pedonais e lojas de todos os tipos de mercadoria.

Não seria má ideia sair por ai sem direção, mas se o leitor é um viajante que necessita se organizar, seria propenso fazer estes caminho – com pouco tempo que tenha, poderás fazer os dois -. O primeiro deles começaria pela estátua do Marqués de Larios, dirigindo-se, depois, ao Paseo del Parque, O Palacio de la Aduana, o Ayuntamiento e a famosa plaza de toros, a arena que tanto inspirou a obra de Pablo Picasso. Para completar, o segundo dos caminhos aqui propostos, terá que regressar na mesma estátua do marquês, onde já conhecemos da primeira rota. Desde lá, caminharemos agora para catedral, o viajante/caminhador verá o Palacio del Obispado e a Pasaje de Chinitas. De lá, o velho teatro romano e a Alcazaba estão a curta distância.

Então, aqui está, digamos, as propostas para o turista, Logo, se és um viajante que gosta de conhecer o meio de vida das pessoas dos lugares que visita, será necessário dirigir-se a rua Larios, o lugar o qual os malaguenho ampliam e expressam grande parte de sua vida social. Aqui, o viajante verá os moradores passeando pela rua de cima para baixo, de baixo para cima, fazendo suas compras nos muitos comércios que cada dia abrem suas portas por aqui e por lá; compartilhando com estudantes universitários e estrangeiros a experiência de suas compras nas dezenas de comércios que se abrem em cada esquina, ou sair para comer tapas nas muitas tabernas tradicionais locais. Portanto, ao final da rua, Plaza de la Merced te espera com seus restaurantes e cafés.

Qué ver o hacer en Málaga y alrededores

Leer 1 recomendaciones de a província.

Já visitou o Málaga??

Partilhe com outros viageiros o que mais lhe agrada em Málaga.

↑